Hong Kong, primeiros passos na China

Hong Kong Tram

Foto @FamiliaSemFronteiras

Hong Kong

Foto @FamiliaSemFronteiras

Hong Kong Causeway Bay

Foto @FamiliaSemFronteiras

No final de novembro e entrando no início de dezembro, fomos para Hong Kong. A megalópole de 7 milhões de habitantes Hong Kong, cidade-estado implantada na China.
Depois de dois meses entre Tailândia, Camboja e Vietnã, nossa chegada em Hong Kong estava mais do que esperada e estávamos já bem ansiosos. Depositamos bastante esperança em Hong Kong, cidade que não conhecíamos fora das reportagens que assistíamos na TV. Só sabíamos que iríamos voltar para uma vida moderna, organizada e de luxo.

Voamos de Ha Noi, capital do Vietnã com a VietAir e foram duas horas de voo. Nossas expectativas foram mais do que atendidas, pois chegando no aeroporto, vimos a modernidade, a limpeza e a organização que reflete a cidade. Após conseguir um táxi, fomos até o nosso hotel baseado em Causeway Bay, em frente ao estádio Hípico, entre as estações de metrô de CausewayBay e Time Square.
A cidade de Hong Kong possui uma rede de transporte moderna e funcional. É fácil e prático de ir em todos os pontos da cidade.

Apesar de estar na China, Hong Kong foi colônia da Inglaterra durante 155 anos. A cidade guardou os grandes traços ingleses: trens vermelhos, organização europeia, uma população aonde a maioria fala inglês, nomes das ruas em duas línguas: inglês e cantonês – porém, apesar de ter sido colônia inglesa, Hong Kong está na porta da China e depende da China.

Hong Kong é a cidade mais rica da China. Ficamos em Hong Kong por 5 dias, sendo que foram 5 dias no mesmo hotel e então, no mesmo bairro. Achamos o bairro perfeito por estar em TimeSquare, onde tem um shopping de lojas de luxo, muitas lojas na rua, bares e restaurantes, metrô, várias linhas de ônibus e também o trem e por isso dá para aproveitar bem a cidade e ir às compras sem se preocupar no horário de voltar.

De time Square estávamos a apenas duas estações de metrô do centro mas é aconselhável se hospedar no centro por ser sempre melhor por estar em uma localização top, acessível e perto de tudo, afinal, poder fazer tudo andando é sempre bom.

www.britishairways.com

www.britishairways.com

____________Sobre____________

Hong Kong, terra aonde o Oriente se encontra com o Ocidente – território que já foi colônia inglesa, combinou o melhor dos dois lados do mundo em termos de qualidade de vida. Liderando rankings internacionais em educação, segurança, organização, economia e saúde, Hong Kong conta com um desenvolvimento incrível e a sua beleza moderna fascina qualquer visitante que venha ver de perto esta perfeição feita pelo homem.
Com um pouco mais de 7 milhões e meio de habitantes em seu território de 1.104km2, Hong Kong se transformou em um local ideal para aqueles que buscam uma viagem aonde possam ver relíquias milenares, modernidade e compras a ótimos preços, pois vale lembrar que Hong Kong também, é um dos locais mais baratos para se fazer compras de marcas de roupas e eletrônicos. Por outro lado pode se dizer que ao contrário das cidades asiáticas e dos países em geral, Hong Kong é caríssima. Gastos em alimentação e hospedagem são 2 ou 3 vezes mais elevados do que no restante da Ásia.

Hong Kong tem uma das melhores redes de transporte do mundo. Aconselhamos comprar ou alugar o cartão Octopus Pass – cartão local de transporte. Esse cartão é aceito em qualquer transporte da cidade e é recarregável em todas as estações ou também nas lojas 7Eleven. É possível comprar-a para HK$39 ou até alugar-a.  Caso você termine sua viagem e ainda sobrar crédito no cartão, você terá o reembolso do valor no momento da devolução do Octopus Pass. Portanto vá direto a um guichê no momento para receber o seu crédito. No último dia da nossa viagem em Hong Kong, pegamos 100$ de volta.

O sistema é tão completo que tem até ferry indo para Hong Kong e as outras ilhas da cidade e custa apenas
uma simples passagem.

Hong Kong

 

________O que fazer? __________

Chegando a um lugar novo, o que sempre procuramos fazer é dar uma volta aos arredores e observar o movimento da cidade e dos habitantes e claro, seus hábitos.
Lugares que você possa ir e que certamente irão agradar e aonde você vai encontrar muitas surpresas legais e inesperadas como um passeio em Kowloon, nas ruas de Mong Kok, caso seja um casal, ofereça uma das belas flores das lojas e comece bem a viagem.

kowloon

 

 

Há o mercado de Stanley, aonde há ótimos artigos para decoração no estilo bem asiático e até um bom lugar para se comprar um souvenir. Já em Wan Chai Road, que podemos comparar às feiras de sexta-feira que há em muitos lugares aqui no Brasil, porém com artigos e produtos locais, o que vai fazer você ver muita coisa que nunca viu antes, porém vale a pena conferir!

Após esse roteiro, que tal dar uma caminhada na Avenue of the Stars. La há uma estátua em homenagem ao grande Bruce-Lee, e certamente você também vai querer tirar uma foto como ele, ou apenas uma selfie. E depois desse longo passeio, que tal se refrescar com uma Tsingtao bem gelada. Uma cerveja, apesar de ter sido fundada por alemãs (afinal, Hong Kong é aonde o Oriente se encontra com o Ocidente), nasceu em Hong Kong e é bem comum ver os locais tomando com pedras de gelo.

Wai Chan Road

Tsingao Hong Kong

www.eatstaylive.com

Agora uma boa recomendação para sair um pouco da multidão da cidade – ir até a Ilha de Lantau. A Ilha paradisíaca, com muito verde e é um local sagrado e muito religioso. É lá que você irá ver a cultura asiática esculpida junto com a natureza.

Veja em baixo uma parte exclusiva do lugar :-)

 

          Compras I Shoppiiiiiing 

Quem me conhece sabe que eu adoro as roupas. Adoro comprar roupas para mim e para meus filhos. Sou o que chamamos uma ” serial shopper”.  Durante a viagem pela Asia do Sul Leste, estávamos com 2 malas de 32 kg cada uma. A meio caminho, em Hanoi, antes de embarcar para HK, paramos num DHL e mandamos 20Kg de roupas para França. Sabe quanto tempo ficamos com 20 kg a menos nas malas ? Nem uma semana. Chegando em Hong Kong, paramos para comprar electrónicos e roupas. Não fazia parte dos planos de viagem pois os eletrónicos são ainda mais baratos na Indonesia MAS quando fomos para o vilarejo de pescadores, descobrimos um shopping Outlet onde tinha, entre outros, minha marca preferida e que so vesto: Burberry. Là, compramos quase a loja inteira :)

 

                Roupas de luxo & .. de fake

 

Em Hong Kong, além de ter muitos shoppings cheios de lojas de luxo (Time Square, IFC Mall ..), a cidade é perfeita para comprar roupas em geral.
Hong Kong é o principal centro comercial da China pois está ao alcance de todos os bolsos para todos os tipos de produtos procurados. Marcas famosas e até tendas de rua, praticamente de tudo se encontra lá.

Nunca tinha visto uma cidade com tanta lojas de luxo. Há em todas esquinas. Todas ! Sabe aquele shopping Leblon no Rio ? Pense que em Hong Kong são dezenas e dezenas de shopping de luxo com as marcas mais luxuosas do mercado. É um absurdo de luxo !

 Causeway Bay, Mongkok e Central são lugares aonde há muitos shoppings e lá você vai encontrar muitas marcas que são desejos de consumo certo.

Shopping Time Square – Estação de metrô Causeway Bay – perfeito para lojas de luxo aonde os valores são muito melhores do que os daqui, nem se comparam.

Ladie’s Market – Lojas de fakes – bom, este é o lugar ideal para um fake bem parecido, caso queira agradar alguém sem ter que gastar muito.

City Gate Outlets – uma ótima opção para roupas de marca a ótimos preços MTR Tung Chung metrô

HK_Times_Square_Main_Atrium_201502

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/e/e1/HK_Times_Square_Main_Atrium_201502.JPG

 

                 De eletrônicos

Em Hong Kong, o custo dos eletrônicos é, em geral, mais baixo. Compramos lentes novas para a máquina fotográfica e dois novos MacBook Pro. Economizamos 200€ comparados com o preço da Apple Store da França. Onde fica? Apliu Street, no bairro de Sham Shui Pó. É ótimo para bugigangas eletrônicas. Compramos algumas coisinhas para celular também.

IMG_7282

IMG_7291

IMG_1059

         

 Caminhar pela cidade I Andar   bastante

Hong Kong Victoria Harbour

                         …. E conhecer o bairro de

Mongkok,​ onde tem as Ladies Market, Birds Market & o flower Market. Lá tem de tudo: de peças de celular até roupas femininas.

BUSY_Mong_Kok

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/2/25/BUSY_Mong_Kok.jpg

             De Victoria Harbor I Ilha de Kowloon

Victoria Harbour, na ​estação Tsim Sha Tsui (linha vermelha do MTR), na ilha de Kowloon em frente da ilha de Hong Kong. Lá, acontece um show gratuito de luzes (light symphony ) todas noites as 20h em ponto. Podemos admirar os arranha-céus da ilha de Hong Kong e fazer um cruzeiro no rio num barco chinês tradicional.

victoria harbour

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/7/75/Hong_Kong_at_night.jpg

vICTORIA HARBOUR

Foto @hong-kong-hotels.ws

fyguFullSizeRender

Foto @familiaSemFronteiras

Victoria Harbour

FullSizftgeRender

IMG_7442

Foto @familiaSemFronteiras

IMG_1050

Foto @familiaSemFronteiras

IMG_1038

 

 

           Cheiro de peixe e peixes secos I Vilarejo de pescadores 

F​omos para a cidade de Tai O, cidadezinha tipicamente tradicional dos países asiáticos: casas feitas de material reutilizado, em volta do rio, sobre palafitas e onde a economia local provém da pescaria. Ela está na ilha de Lantau e é possível chegar de metrô, barco ou ônibus. A estação de metrô mais próxima é Tung Chung da linha laranja do mesmo nome. É direto a partir do centro de Hong Kong. Os chineses chamam esse vilarejo de “Veneza da Ásia”.

IMG_7382

IMG_7387

Hong Kong Palau

Foto @familiaSemFronteiras

Hong Kong

Foto @familiaSemFronteiras

IMG_7375

Foto @familiaSemFronteiras

IMG_7371

Foto @familiaSemFronteiras

IMG_7390

Foto @familiaSemFronteiras

         

          Star Ferry I Atravessar o rio de Ferry​ 

Não se pode dizer que esteve em Hong Kong sem ter atravessado o Rio de Ferry. Ir de Hong Kong até qualquer ilha da cidade de ferry e descobrir a cidade do barco é imprescindível. O Star Ferry Píer , estação Tsim Sha Tsui. O ideal é atravessar de Kowloon até o centro, mais recomendado do que fazer o contrário.

Hong Kong

Foto @familiaSemFronteiras

fyguFullSizeRender

Foto @familiaSemFronteiras

 

       Ilha de Lantau I Maior ilha de Hong Kong

A ilha de Lantau abriga o Hong Kong DisneyLand, o aeroporto, o vilarejo de pescadores que falei em cima mas não somente. Lá tem também o Grande Buddha, o maior da Ásia.   A ilha de Lantau é a maior ilha de Hong Kong com 3 vezes a superficie da ilha de Hong Kong. Ela é também a 6a maior ilha da China.

lantau1

Foto @Google

lantau2

Foto @goista.com

www.stuff.co.nz

Foto @stuff

 

                 Shiung Wan I As ruas históricas

Em Sheung Wan tem as ruazinhas históricas da cidade que estão localizadas bem próximas do centro da cidade e dos arranha-céus e apesar de estarem ao lado do grande centro em distância, está bem longe quando se vê no parâmetro futurista, porém com um charme único com idade milenar. Suas ruas formam o centro histórico da cidade da ilha de Hong Kong. O ideal é caminhar de Queens road west até Wing Loak Street.

O bairro cheira bem forte o peixe seco. Alias, os bairros mais populares cheiram bastante o peixe seco.  Lá, é possível encontrar e comer vários produtos em volta do peixe seco mas também o famoso “Nid d’hirondelle séché” f​eito de babá.​ Ja provou ?  A gente não tive a coragem de comer mas ja experimentei o cobra, a arranha, o escorpião e a barata na Tailândia. Talvez mesmo que comíamos rato no Vietnã :-)

Sheung Wan

Foto @discoverhongkong

 

 

                 Areia e areia I Praia !

 

Ir para praia em Hong Kong​- poucos sabem mas a cidade possui muitas praias seguras e limpas. Lá, algumas têm até tela anti-tubarões. Podemos nadar sem riscos de virarmos iscas.

hong kong beach

Foto @hkyantoyan

Beach in Hong Kong Beach Hong Kong China

 

 

                 Disneyland​ I Paraiso das crianças 

O Hong Kong Disneyland não é o melhor nem o mais gostoso. Não fomos (ja conhecemos o Disney de Paris e da Florida) e então não podemos contar nossa experiência dentro do parque.  Porem, fui ler os comentários no TripAdvisor e não eram muito bons.  Gente, lembrem que custa caro!

hong kong disney

Foto @farm7

DisneyLand Hong Kong

Foto @DisneyLand HK

 

 

       Victoria Peak​ I Vista panoramica de HK

O ” Peak” ou Victoria Peak é o top da ilha de Hong Kong. A montanha é agora o lugar mais visitado da cidade. Lá, temos uma vista incrível e panorâmica da cidade.E o melhor, dá para dar uma volta em uma hora. Para subir até là, só tem uma solução: o Peak Tram com um panorama incrivel.

Victoria Peak

@Foto #excelsiorhotelhongkong

 

 

                 Panorama​ I Vistas dos Buildings

Que tal um jantar no SkyBar e ver a cidade de cima? Aproveitar o panorama de uma das torres da cidade: Bank Of China Tower ou do Two International Finance Center. Mas afinal a melhor vista de HK é vista da Victoria Harbour, na ilha de Kowloon (estação Tsim Sha Tsui) que temos a melhor vista da ilha de HK (realmente na frente. Só o rio corta as duas ilhas). O ideal é chegar pouco antes das 20h para poder aproveitar o panorama de dia e de noite, pois as 20h, começa o ‘symphony of light’.

panorama hong kong

Foto @Google

Rooftop Hong Kong

Rooftop HK

Two Seventy Degrees HK

Rooftop Hong Kong

Vista incrível do Aqua Bar Hong Kong I Foto @

 

 

     Cidade de diversão I Bate volta até Macau 

 

– Macau é com certeza um lugar que vale a pena ir, imagina ver um lugar na Ásia que parece até que você está em Lisboa ou no Centro do Rio, e de repente anda um pouco mais e vê que está na china, bom, essa mistura é o toque mágico de Macau e ainda, quem gosta de diversão, jogos e Las Vegas, hmmm, ainda não conhece Macau? Então venha conhecer os Cassinos locais, como por exemplo o Cassino Lisboa. Bom, aqueles que gostam de caminhar e ver o verde, podem visitar os parques gigantescos como o Sun Yat-Sen ou Jardim de Camões, com seus 20.000 metros quadrados!

Macau também é um lugar de muita história e você vai perceber muitas ruínas que vão fazer você imaginar o que já rolou por aqui – Monte Forte e Ruínas de São Paulo são dois lugares para visitar.

Macau

Foto @mandarinoriental

Macau China

Foto @MacauChina___Como chegar ?_________

_________Como chegar ?_______

                         Até Hong Kong ? 

 

    De Avião

O aeroporto internacional de Hong Kong (HKG) é um dos maiores do mundo e fica em uma pequena península construída exclusivamente para ele. Mais de 100 companhias arianas param em  Hong Kong.  Uma mega construção de deixar qualquer um de boca aberta e que foi parar no livro dos recordes. O terminal é o maior do mundo com 516.000 m2 e recebe todos os tipos de aeronaves, incluindo as maiores como o A380.

Nós chegamos de Ha Noi, no Vietnã, num voo direito de quase 2horas. Todas as grandes cidades do mundo conectam com Hong Kong e mais de 100 companhias param n o aeroporto internacional. Nenhuma companhia conecta Sao Paulo à Hong Kong sem parada. Porem, quem quiser viajar até HK de avião, pode aproveitar duma parada na Europa ou ainda em Dubai e assim visitar dois países numa viagem só.

       Ferry

É possível ir e sair de Hong Kong com os ferry da SkyPier. Os ferry conectam Hong Kong ao Delta do Rio das perlas “Pearl River Delta (PRD)” e Macau com barcos super rápidos.

E sabem ? Para quem ir direitamente do aeroporto até os 9 portos da PRD, não precisa pegar as malas no aeroporto nem fazer a fila na imigração. Atenção, é aplicável SOMENTE para quem sair no mesmo dia com passagem e passaporte validos.

As passagens podem ser compradas no guiche Macao/China continentale na zona de transfert E2 do terminal 1. 

      Ónibus

Seguindo o modelo dos ferry, é possível ir e voltar da China continental de ónibus. Do terminal 2, os ónibus vão até as maiores cidades da província de Guangdong sendo Huanggang, Shenzhen Bay Port, Shenzhen, Guangzhou, Dongguan, Huizhou, Foshan, Zhongshan, Fujian ou ainda Xiamen.

                               Até o centro ? 

As ligaçoes entre o aeroporto de Hong Kong e o centro da cidade não faltam. Elas são mesmo fáceis, praticas e abordáveis.

  • Trem:

Com apenas 24 minutos até a estação Central, no centro, o Aiport Express é provavelmente o mais rápido e mais direito do meios de transportes entre o aeroporto e o centro. O Airport Express é  pelo MRT, a rede de transporte de Hong Kong. O serviço de trem funciona das 5h54 até 00h48. Os trens saiam todos os 10 minutos.

A passagem custa 100$ de HK ou seja HK$100 até a ilha de Hong Kong, HK$90 até Kowloon.

As casas de câmbio no aeroporto vendem as passagens para o trem e é uma boa recomendação comprar nelas pois assim você evita as filas das estações – o valor é tabelado, portanto, o mesmo. Tudo bem fácil e acessível. Informações para todos os lados em inglês.

O trem é luxo total, bem fora da realidade do Brasil, certamente vai lhe surpreender, pois os assentos são ultra mega confortáveis e há espaço para pôs as malas, sem comentar o visual no início da viagem.

Nas estações de Kowloon e Hong Kong, e mesmo possível pegar uma navette gratuita em direcção do principais hotéis.

Metro Hong Kong

 

  * Ónibus:

12 linhas de ónibus “Airbus” chamadas A  conectam o aeroporto para as ilhas de Hong Kong, Kowloon e os novos territórios cuja a ilha de Lantau.  Essas linhas de ónibus param menos que os ónibus normais.  Os Airbus e ónibus se encontram pela direita da saída do hall das chegadas.

  * Taxi

Hong Kong Taxi

Essa é a solução que sempre escolhemos durante as longas viagens pois com dois bebes e 100 kg de malas, a viagem de taxi fica mais pratica e confortável.

Em Hong Kong, existe 3 tipos de taxi; diferenciados por cores dependendo das destinaçoes. Todos desservem o aeroporto.
Os taxi vermelhos, taxi urbanos, desservem todos os destinos de Hong Kong, incluindo o aeroporto. Porem, excluindo  Tung Chung Road & a parte sul da ilha de Lantau.

Os taxi verdes desservem os novos territórios e algumas ruas de Lantau.

Os taxi azuis desservem a ilha inteira de Lantau.

Taxi aeroporto to HK

taxi HK -> aeroporto

  •  

    • Trem

    Se você já imaginou aquele tipo de trem seguro, limpo, com alta tecnologia, hmmm, eis aqui em Hong Kong, para superar as suas expectativas. O MTR é totalmente seguro e super limpo, pois o sistema de limpeza funciona e o povo local também ajuda mantendo a ordem. O sistema é o mais eficiente em todo o continente da Ásia e vai de lugares como Central e Causeway Bay até as Ilhas de Lantau.

    Bom, com 87 estações você não precisa mesmo se preocupar pois além disso há ônibus alimentadores que passam por vários locais e deixam você bem na estação mais próxima.

    Um detalhe muito legal é que você tem acesso ao WI-FI gratuito nas estações, claro que por apenas 15 minutos por acesso e você tem direito a cinco acessos por dia, bom, o trem vai chegar antes de terminar o seu acesso :-) mas se precisa sacar um trocado para gastar você também

  • pode utilizar os caixas 24 horas disponíveis nas estações e até os banheiros são muito limpos e cheirosos, então não se sinta inibido em usá-los.

    Se você perdeu alguma coisa você também pode ligar para o serviço de achados e perdidos, eles são realmente eficientes e funcionam de verdade.

         Uber

  • sempre escolhemos Uber por ser mais fácil: podemos reservar, temos um serviço de qualidade e é sempre mais barato e seguro e por isso também é uma ótima alternativa. E com esse código 0mx22, vocês podem ganhar $ durante a primeira corrida

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>